Marcelo Freixo denuncia: Estado pretende que linha 4 do metrô seja prolongamento da Linha 1

    38
    0

    Em recente vídeo postado no youtube por Marcelo Freixo, é informado que a Sociedade Fluminense, o Ministério Público e Técnicos apontam que o melhor para a Linha 4 seria não ser um prolongamento da Linha 1 como é querido pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro.

    Marcelo Freixo denuncia em seu vídeo que o Estado compareceu em audiência pública obrigatória na ALERJ com posição fechada em manter a Linha 4 como prolongamento da Linha 1, especialmente por pressa em virtude de compromissos com as Olimpíadas de 2016. Mas que a real razão não seria essa, e sim que, segundo suas próprias palavras, a linha 4 como prolongamento da linha 1 autoriza a extensão da concessão da atual concessionária do Metro por toda a linha 4, enquanto que uma linha 4 com outro traçado autônomo ao prolongamento da Linha 1 exigiria nova licitação e nova adminstração para este novo trecho.

    Esta questão é grave e está acessível em http://www.youtube.com/watch?v=JrH5gergEUc

    O Blog não tem conhecimento sobre essa questão em especial, não podendo tomar partido de uma ou outra solução, entretanto, Marcelo Freixo goza de total credibilidade do Blog e as informações de que o Ministério Público não aconselha o prolongamento da linha 1, aliado ao fato de que há opiniões técnicas que também não aconselham (apesar de existir opinião técnica para tudo), aliado ainda ao fato de que optar por prolongamento da linha 1 estenderá uma concessão a uma concessionária que é o cúmulo da incompetência na administração do que hoje está sob sua responsabilidade, faz o Blog ter tendência a aceitar a Linha 4 com traçado autônomo, como sugere Marcelo Freixo.

    Quem tiver esse mesmo interesse, pode efetuar assintaura a abaixo-assinado disponibilizado por Marcelo Freixo em http://meurio.org.br/na_atividade/10/assine_embaixo/metro-rio

    Obrigado Daniela Marques pela informação valorosa. Nosso transporte público é podre e só mobilizados podemos alterar isso. Em Roma, Amsterdam, Paris e Nova Iorque só tem carro quem quiser, porque ninguém precisa de nada para se locomover além do transporte público.

    Abraços a todos.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui