Comentário sobre a recente declaração de Nouriel Roubini

    36
    0

    Recentemente Nouriel Roubini, economista que ficou mundialmente reconhecido por prever a crise financeira mundial de 2008, segundo notícia recente do Jornal O Globo, apresentou declaração em seu blog sobre tendências econômicas mundiais.

    Não tenho o artigo aqui, mas lembro que me chamou atenção o fato de que ele sugeriu que a crise que os EUA e a Europa vivem indica que Karl Marx estava certo quanto à afirmação de que as bases em que se pautavm o capitalismo, ou seja, de constante transferência de riqueza do pobre para o rico, matariam o próprio capitalismo, e que faliram tanto o sistema do “laissez faire, laissez passez” quanto o Estado do Bem-Estar social europeu, sendo necessário uma refundação de prátias econômicas em que deveriam ocorrer, em síntese, construção de instrumentos que dessem mais segurança social e econômica (um pouco mais de Estado), sem retirar a liberdade de mercado, o qual deveria ser mais regulamentado.

    Gente, isso foi pura jogadinha de marketing. O que Nouriel Roubini propõe é o capitalismo europeu (Estado do Bem-Estar Social) com mais regulamentação de mercado. Só. Foi a desregulamentação de mercado que quebrou tudo.

    O Estado do Bem-Estar Social Europeu é o melhor sistema mundial de equilíbrio entre a liberdade empresarial e a oferta de uma segurança social e econômica mínima à toda a população de um país. A crise não mostra que faliu o Estado do bem-estar social,… a desregulamentação de mercado criou produtos financeiros de risco. Em seguida, o próprio mercado lastreou a confiabilidade desses produtos que eles mesmos criaram e ninguém apontou seus reais riscos. Como consequência, quando os riscos se concretizaram em perdas, os títulos tinham circulado muito e toda a economia foi tombando. Enfim, a solução foi os países europeus e os EUA, com economias muito boas (EUA já estava mal por causa de Bush filho), tiveram de socorrer seus bancos e empresas, transferindo a dívida privada para a dívida pública!!! Aí, o Estado do Bem-Estar Social europeu está ficando em risco agora, por pressionar custos estatais.

    Então, Nouriel mentiu. O Estado do Bem-Estar Social é possível desde que o mercado fique regulado para não se exceder e levar a economia pública à bancarrota, tornando impossível bancar a assistência médica, social e de previdência à toda a população.

    O que Nouriel prova é que gênios muitas vezes tem uma grande obra em sua vida… e já é muito. Previu a maior crise econômica desde 1929, quando todas as agências de rating distribuíam triplo A e chancelavam a sanidade financeira de empresas e bancos que no fim mostraram-se falidos!!!

    Agora, o que sugere é o que já existe na Europa, mas com regulamentação que, inclusive, já existe no Brasil. Grande gênio… rsrsrrs

    p.s.: 15/08/2011 – texto revisto e ampliado

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui